Home Política

PostHeaderIcon Política

Maranhão, a carreata no Brejo e a campanha de rua

Maranhão deu o ponta pé inicial da campanha à reeleição em carreata pelo Brejo. Não estive lá. Não posso fazer comentário na base do ouvir dizer. Simplesmente porque os aliados do governador me disseram que “foi uma loucura de gente” e os adversários que “foi uma tristeza”.

Leia mais...

 

Tyrone e Lindolfo Pires desmontam terceiro palanque que Inaldo estava construindo em Sousa para Maranhão

Foi em mais uma demonstração de habilidade política que o grupo do prefeito Fábio Tyrone (PTB), em Sousa, conseguiu desmontar neste sábado um terceiro palanque que o ex-deputado Inaldo Leitão, hoje secretário Chefe da Casa Civil, estava querendo montar na cidade em favor do governador José Maranhão (PMDB).

Leia mais...

 

Ivanes denuncias compra de título na Câmara de Patos

 vereador Ivanes Lacerda (PSDB) revelou hoje à tarde ao Parlamentopb que pretende dar entrada em um pedido de CPI para identificar a responsabilidade pela cobrança de R$ 22 mil ao empresário João Claudino, fundador da rede de lojas Armazém Paraíba. No dia 29 de maio, ele foi agraciado com o título de Cidadão Patoense, numa solenidade prestigiada e realizada na Câmara Municipal. O constrangimento viria depois. Ivanes foi informado por uma pessoa ligada ao empresário de que três vereadores teriam cobrado pela oferta da honraria, alegando que o dinheiro seria necessário para custear despesas da "sessão extraordinária" e serviria como "jeton" aos parlamentares.

Leia mais...

 

Manoel Júnior sofrerá pedido de impugnação

O deputado federal Manoel Júnior está na mira da Coligação Por Uma Nova Paraíba, encabeçada pelo PSB. Advogados já estiveram no TRE pra preparar pedido de impugnação da candidatura do deputado peemedebista. Apontarão processo que o tornaria inelegível.

Leia mais...

 

Independentemente da posição do PP, Suassuna anuncia que mantém voto em Ricardo e conversas na Paraíba sobre vaga de senador podem estar documentadas

Nenhum político experiente entra num processo sem estar protegido. O ex-senador Ney Suassuna (PP) na deve fugir à regra. De olho na vaga de senador, ele tem dito que foi chamado para compor a chapa da oposição no lugar do senador Efraim Morais (DEM). Voltou para o Rio de Janeiro sem a vaga, sob várias especulações de “compra e venda” do passe de Efraim. Diz-se à boca miúda que documentou todas as conversas que teve na Paraíba. Conversas que podem ser bombásticas.

Leia mais...

 

Mais Artigos...